Indigenous trajectories at the university: The right to higher education in Rio de Janeiro

Main Article Content

Abstract

This article aims to discuss the access and permanence of indigenous students in higher education, based on a field work conducted with young people of different ethnicities, university students from public and private institutions in the state of Rio de Janeiro. Through a work of historical revision on the right to education of the indigenous populations in the country, the analysis of documents and interviews conducted to students, we verified the need to improve the entry process and the conditions of permanence of these students, executing and making feasible an expansion of public affirmative action policies aimed at the inclusion of indigenous populations in higher education in the state of Rio de Janeiro.

 

Downloads

Download data is not yet available.

Article Details

How to Cite
Russo, K., & Diniz, E. A. (2020). Indigenous trajectories at the university: The right to higher education in Rio de Janeiro. Education Policy Analysis Archives, 28, 73. https://doi.org/10.14507/epaa.28.4708
Section
Educação e Povos Indígenas
Author Biographies

Kelly Russo, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Doutora em Educação Brasileira (PUC-Rio), Mestre em Ciências Sociais e Educação (FLACSO-AR), Pós-Doutorado em Antropologia Social (PPGAS-Museu Nacional) e em Educação e Interculturalidade (Centro de Estudos sobre Etnicidade e Educação da Universidade de Montreal). É professora adjunta do Departamento de Formação de Professores da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ). Na FEBF, integra o Programa de Pós-Graduação em Educação, Cultura e Comunicação, onde orienta pesquisas de Mestrado em Educação, e coordena o Núcleo de Estudos sobre Povos Indígenas, Interculturalidade e Educação - NEPIIE. Tem experiência com projetos educacionais no contexto escolar e não escolar e desde 2011, é pesquisadora associada do LACED Laboratório de Pesquisas em Etnicidade, Cultura e Desenvolvimento (Museu Nacional, UFRJ). Possui projetos de extensão e de pesquisa sobre temas relacionados à educação intercultural critica, educação escolar e povos indígenas; ações afirmativas e a inserção de jovens indígenas na educação superior, direitos humanos e a educação brasileira.

Edson Araújo Diniz, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Graduação em Direito (2010) e Pedagogia (2014) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ. Especialização em Direito Educacional (2016) pela Faculdade Internacional Signorelli - FISIG. Mestrado em Educação (2016) pela FEBF / UERJ. Membro do Núcleo de Estudos sobre Povos Indígenas e Educação.